Eraldo Paiva cuspiu no prato que comeu e continua comendo e cuspindo no prato

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 21 de outubro de 2014

IMG_20141021_114434698

Eraldo Paiva cuspiu no prato que comeu e continua comendo e cuspindo no prato

A votação do candidato a deputado federal Eraldo Paiva no município de São Gonçalo do Amarante de 2.400 votos o deixou alheado politicamente.

O primeiro susto, pós-campanha, do primeiro turno, provocado pelo vereador da base do governo Eraldo Paiva, que é presidente no Estado do Partido dos Trabalhadores (PT), aos seus colegas aconteceu na reunião plenária em que o Projeto de Lei nº 115/2014 na 3ª e última votação foi aprovado com o voto contra do petista, antes o seu pedido de vistas para o mesmo projeto foi ignorado pela maioria dos membros da Casa Legislativa.

Porém, este gesto que faz lembrar Judas, os anteriores fazem lembrá-los muito mais. Quando digo que Eraldo Paiva cuspiu no prato que comeu e continua comendo e cuspindo no prato é porque o alicerce e o baldrame da sua reeleição para vereador foram construídos com cimento e pedras do prefeito. Lembrar que essa desobediência política lhe custou caro, pois a sua votação pífia, em São Gonçalo do Amarante, não lhe garante nada para as eleições de 2016.

Garantiu, sim, a divisão da família do Partido dos Trabalhadores no município, pois o projeto pessoal de Eraldo Paiva foi deixando pelos caminhos eleitorais “seringueiros”  como Abel Neto, “Quinho”, Joacir, Jeane Ferreira, França de Lima e outros tantos. Uma das suas incoerências partidárias foi tentar expulsar o seu criador Abel Neto, que lhe deu o primeiro livro de português e também o político, do partido quando este decidiu não apoiá-lo.

Mas não teve a mesma coragem ou hombridade de fazer o mesmo consigo, não. Insisto: o cargo de confiança é do gestor, está na constituição, ou seja, quem indica é ele e que demite também. Portanto, já que procurou um destino próprio político, deveria, sim, entregar os cargos. Essa opinião também é dos nossos amigos em comum que temos dentro do PT. Não vou revelá-los para não lhe constranger.
Mas posso tornar público algo que vai lhe tirar o sono por muito tempo.

Como se sente em ter trabalhado os três turnos diariamente nesta eleição para eleger Betinho Segundo? O senhor ajudou a governadora Rosalba Ciarline fazer do seu sobrinho um deputado federal. Considerando os seus princípios políticos, eleitorais e partidários foi um ato que facilmente lhe causa enjoo ou não? Causa-se enjoo é porque foi seboso ou não?

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

“Ninguém governa sozinho”

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 20 de outubro de 2014

10606089_823679081005033_5548398742094305018_n

“Ninguém governa sozinho”

Jacaré-Mirim, Guanduba e Oiteiros, nesta segunda-feira (20), receberam o prefeito Jaime Calado, a deputada federal Doutora Zenaide Maia e as lideranças locais com muito entusiasmo. Agora, segundo turno, o objetivo dos comícios relâmpagos é para convencer o eleitor são-gonçalense a votar em presidente, na Dilma, e governador, em Henrique Alves e João Maia.

Nos seus agradecimentos ele tem feito questão de colocar em evidência que a votação de 21.516 para Doutora Zenaide Maia, em São Gonçalo do Amarante, não foi mérito pessoal seu e, sim, de todos os amigos. Nas comunidades acima citadas o deputado estadual George Soares teve o apoio de Valda Siqueira, Américo e Delma. Já o deputado Álvaro Dias teve o apoio de Gerson Bezerra, de Jailson Tavares, Micael Moreira, através de Seu Antônio, seu sogro, de Leon e Evaldo Braga.

O discurso do suplente Américo foi muito elogiado pelo prefeito e com a mesma qualidade e comprometimento foram os demais. Apenas quero chamar a atenção para as palavras da vereadora Valda Siqueira. A frase “Tem gente dentro do guarda-roupa” proferida por ela deve ser analisada a partir da ausência de pessoas importantes que participaram intensamente no primeiro turno e, agora, estão ausentes. Adelson Martins, que declarou voto a Robinson Faria, é menos um nesse guarda-roupa.

É uma pena que algumas lideranças não se sensibilizem com o fato de João Maia ser o candidato à vice de Henrique Alves. Isto não basta para você ir até a urna e votar na chapa da coligação majoritária PMDB/PR? “Eu estou aqui com muita humildade para pedir a vocês que votem Henrique 15! Dilma 13! Caso, por algum motivo, não queira votar em nenhum deles, então vote em mim meu número é 15 e 13!”, suplicou o prefeito.

Encerrou a sua fala demonstrando otimismo na eleição de Dilma e Henrique. O prefeito garantiu que só Henrique Alves têm condições políticas de comandar o Rio Grande do Norte, pois tem a seu favor 17 partidos. Rosalba e o seu vice-governador, Robinson, fracassaram por falta de apoio político o que também aconteceu com Micarla na prefeitura de Natal. Convidou a todos para a manhã se encontrar com ele na comunidade de Olho D’água do Carrilho.

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

Seu Canindé França, nesta eleição, apenas deu um voto para ajudar São Gonçalo

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 20 de outubro de 2014

1937500_787999717928747_5762576468652066788_n

Seu Canindé França, nesta eleição, apenas deu um voto para ajudar São Gonçalo

O Seu Canindé França, ex-vereador de Caicó, hoje, secretário do município de São Gonçalo, apesar de ter votado em Zenaide Maia, continua trabalhando politicamente contra os interesses eleitorais do município.  Pede voto para Robinson Faria, quando temos o candidato a vice-governador, João Maia, na chapa de Henrique Alves.

Eu fico indignado só de pensar na possiblidade que Robinson possa ganhar por um voto e que, o responsável, em tese, seja esse rapaz. A história do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) não foi construída com esse tipo de escolha e ele sabe disso.

Quem tem autoridade para indicar o cargo em comissão, segundo a Constituição do Brasil, é o gestor. Por isso, considerado o gesto do secretário de uma ingratidão sem tamanho. Além do que, tira do povo são-gonçalense a chance de termos um vice-governador com status de governador.

Portanto, o exemplo desse rapaz, pode contaminar, ainda no segundo turno, outros segmentos políticos do município. O vi na feira do Amarante pedindo voto para Robinson Faria, agora, em Extremoz. No Amarante, em pleno meio-dia, percebi que sua face estava molhada, porém não deu para identificar se era suor ou pingos de lágrimas de mentiras.

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

Gladier Godeiro, politicamente, tornou-se um risco n’água no município

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 19 de outubro de 2014

Índice

Gladier Godeiro, politicamente, tornou-se um risco n’água no município

O único rendimento, isto é, produto do capital politico do ex-candidato a deputado estadual pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB) Gladier Godeiro, posto a render nestas eleições, foi contrariar o blogueiro Dudé Soares. Ele e Tarcísio Fernandes, resguardadas as devidas proporções, ambos têm decepcionados os são-gonçalenses.

Considerando a nota publicada no Blog da Cidade pelo seu alimentador Idelfonso Farias, posso concluir que, além de traíra, pois trocou Henrique Alves por Robinson Farias, é sem expressão eleitoral também. O fato que me faz acusá-lo de insignificância política é os 27 votos que obteve como candidato nestas eleições.

Esse rapaz chegou aqui, em São Gonçalo do Amarante, politicamente, sem lenço e documento e, ainda, recebeu um Título de Cidadão Sãogonçalense. A graça foi ofertada pelos membros do diretório do Partido Socialista Brasileiro (PSB). Infelizmente prestaram a homenagem pelo nome e não pelo homem e tudo amparado pela sombrinha da vaidade dos envolvidos.

Eu também fui vítima de uma sarna nos dedos ao escrever sobre a atuação política desse cidadão no município. Ainda bem que, muito rápido, fui curado. Com esse resultado desastroso eleitoralmente e com uma história social, politica e partidária de apagões eu fico na dúvida: será que ele tem “cara de pau” para voltar.

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

A ARTMAR de Massaranduba vai de Henrique Alves, João Maia e Dilma Rousseff

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 18 de outubro de 2014

IMG_20141018_122326482

A ARTMAR de Massaranduba vai de Henrique Alves, João Maia e Dilma Rousseff

Hoje, sábado (18), em Massaranduba, comunidade de São Gonçalo, eu e o secretário de Educação, Abel Neto, almoçamos no restaurante Bate Coxa do meu amigo Manoel, na companhia da presidente da ARTMAR, Jeane Ferreira, e de duas colaboradoras da associação “Mayre” e Fabiana.

O que motivou o encontro foi o vácuo eleitoral que existe na campanha do segundo turno, no município, em relação à atividade política do prefeito de pedir o voto para Henrique, João Maia e a presidente Dilma Rousseff. Por isso, o grande responsável pelo sucesso político do PT na cidade, tenta ocupar este espaço.

E está mais do que provado que o prefeito precisa desse tipo de ação eleitoral. Por que precisa? Porque ontem, no Pró-Lar, “flagrei” o secretário Canindé França que ganha um salário no valor de R$ 7 mil, armando a barraca do PC do B para pedir voto para Robinson Faria. Eu, por exemplo, voto Dilma Rousseff, por obediência política. Não poderia jamais votar contra um projeto o qual é de interesse do prefeito.

Além de ter ficado acordado com os membros da Associação de Artesanato de Massaranduba (ARTMAR) para intensificar o trabalho em favor de Henrique Alves e Dilma, ficou fechado que, a partir de agora, todo o pessoal volta para o abrigo político de Abel Neto. Isto é muito bom para o futuro político de qualquer membro do novo grupo.

O almoço de hoje já é o terceiro realizado nas comunidades rurais para animar os liderados do gestor municipal. Outra coisa que incomoda o professor é o fato de algumas lideranças revelarem o voto, neste caso, para Aécio. Com isso, mais uma vez,  o assunto obediência política  entra
em pauta. Não é fácil ser feliz politicamente com a inconstância de alguns aliados.

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

“Eu quero viver cem anos para agradecer a Jardim Lola”

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 18 de outubro de 2014

IMG_20141017_191400761 IMG_20141017_190043024

“Eu quero viver cem anos para agradecer a Jardim Lola”

Eu quero iniciar esse texto dedicando alguns parágrafos ao vereador-líder do governo, Chanxe Dantas. Embora, segundo o prefeito, todos os oradores, em Jardim Lola,  discursaram com qualidade, mas, para mim, que me desculpem os demais, entre eles, Rogério Leite, Marizaldo Sena, Edson Bacurau, Sargento Alexandre e Idelfonso Farias, eu vou privilegiar as rimas de fidelidade das palavras de Chanxe.

O Grande General, no Bairro de Dona Lola, que tem o comando do melhor exército de transferência de votos, hoje, ainda é o vereador das multidões, não conhecido pelo nome próprio, mas por Chanxe Dantas. Nunca desafinou politicamente com o seu povo e muito menos com o prefeito Jaime Calado.

Em 2012, quando acabou a campanha, ficou devendo a Deus e ao mundo. Mesmo em situação precária financeira, não fugiu de dois compromissos de campanha: o primeiro, colocar a disposição do povo uma ambulância durante 24 horas. O segundo,  a construção do Centro Social Dona Maria Pereira que, com o tempo, vai ampliar as suas atividades. O asfalto da Rua Humaitá é dos requerimentos que mais lhe da orgulho.

Com isso, apesar de ter vivido uma infância, como o restante da família, castigada pela pobreza, demonstra que se tornou uma pessoa generosa, de bom caráter e de muita gratidão. Nas ações administrativas, políticas e eleitorais, o próprio prefeito tem dado testemunho que ele sempre foi correto e, como líder do governo, jamais faltou. Por isso que a população, em sua maioria, vota nos seus candidatos.

Em seguida falou o prefeito. Pela sua insistência de pedir para votarem em Dilma e Henrique, nós, os amigos já podem considerá-lo um “caçador” de voto. É de longe, em todo município, o eleitor de Dilma e Henrique e João Maia que mais trabalha para elegê-los. Para lembrar o tamanho da sua gratidão por Jardim Lola ele disse: “No ano de 1992, em São Gonçalo do Amarante, disputei uma eleição com Hamilton Santiago e levei uma “surra” de votos, mas ganhei aqui, em Jardim Lola”. Por isso que ele disse que quer viver cem anos para agradecer.

Com uma passagem bíblica ele revelou o quando é grande o seu amor pela comunidade. Segundo ele, dez homens foram curados por Jesus e, dias depois, só um voltou para agradecer. “Este um somos nós que
estamos aqui povo de Jardim Lola!” Para encerrar fez um pedido que, para ele, é muito especial: “No dia 26 vote 15! Vote 13!”

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

Disse Abel Neto: “Eu tenho muito orgulho de ser amigo de João Maia”

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 16 de outubro de 2014

IMG_20141016_193150114

Disse Abel Neto: “Eu tenho muito orgulho de ser amigo de João Maia”

Hoje, como bem disse o prefeito Jaime Calado, foi o momento do comandante geral da Educação do município de São Gonçalo do Amarante, isto é, do secretário Abel Neto. Ao discursar, ele reforçou a importância para a cidade a eleição de Henrique Alves,  governador, de João maia, vice, e de Dilma Rousseff, presidenta.

A história política, social e partidária do professor Abel Neto dentro do Partido dos Trabalhadores (PT), tem mais de 20 anos pelos corredores do partido, é de lealdade, de honestidade e de muita luta. Por isso que o gestor do município o escolheu para comandar a pasta da Educação.

“O próprio povo sabe que votar em Dilma Rousseff é manter os programas sociais, a conclusão das obras importantes que estão em curso, por exemplo, o da Adutora que vai garantir água para São Gonçalo por 50 anos”, disse Abel. Fortaleceu o discurso do prefeito ao afirmar que Henrique Alves é o mais preparado e, eleito, garantirá ao povo são-gonçalense mais um governador, neste caso, será João Maia, seu vice.

Elogiou a vitória de Zenaide Maia e disse que ela é uma das poucas pessoas que ele conheceu que faz amizade para toda vida. O feito do grupo político liderado por Jaime Calado, prefeito, colocou o município são-gonçalense dentro do Congresso Nacional. Segundo ele, com a vitória de Henrique e Dilma Rousseff São Gonçalo do Amarante terá status de Estado.

Antes de encerrar, o ato político aconteceu no Bairro do Santa Terezinha, nesta quinta-feira (16), ele disse que o amigo Jaime Calado mudou a cultura de se fazer política e a forma de se administrar, pois ninguém precisa mais se humilhar para colocar uma prótese dentária. Está muito feliz por ter ajudado a restabelecer a cidadania e a dignidade do cidadão são-gonçalense. E vamos à Vitória! Vitória! Vitória!

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

Tarcísio Fernandes pisa outra vez na bola

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 16 de outubro de 2014

tacísio PSB
Tarcísio Fernandes pisa outra vez na bola

A sessão ordinária desta quinta-feira (16), realizada na Casa dos Homens Bons, em São Gonçalo do Amarante, aconteceu um episódio protagonizado pelo vereador do Partido Socialista Brasileiro (PSB), Tarcísio Fernandes, se interpretado ao pé da letra, segundo o Regimento Interno da Casa, pode dar até perda de mandato, por quebra do decoro parlamentar.

É lamentável o seu comportamento nas reuniões plenárias e, desta vez, foi a gota d’água. A vítima foi o vereador líder do governo, “Chanxe” Dantas, que teve a sua idoneidade moral colocada em cheque. Esse vereador Tarcísio Fernandes, como os outros também, tem disponibilizado para o seu gabinete o valor de R$ 2.500, 00 para contratação de um assessor de comunicação, pelo visto, não contratou a pessoa certa.

Por isso, talvez, foi grosseiro e indelicado ao insinuar que o vereador “Chanxe” é quem entendia de drogas. O assunto tratado no momento era a visita inesperada da Polícia em sua residência (residência de Tarcísio) no dia da eleição. Naturalmente o parlamentar, mais bem votado de Jardim Lola, se sentiu ofendido e indignado. Mesmo o vereador de oposição pedindo desculpas ele foi para cima e o enquadrou.

Tarcísio Fernandes foi candidato a vereador sem a necessidade de fazer o teste de alfabetização, mas por tudo que aconteceu hoje na reunião plenária, se caso tivesse feito o teste de ética, não teria cometido mais este equívoco. Uma oposição que dorme em plena sessão ordinária fica vulnerável a qualquer tipo de discussão, principalmente as de interesse da população e está sujeito a cometer gafe.

A última joia lapidada pelos apagões mentais do vereador, representante da Família Fernandes, na Câmara Municipal Palácio Poti Cavalcanti, está numa resposta da entrevista concedida ao Blog de Dudé Soares: “Tenho um excelente relacionamento dentro do meu partido o PSB e de forma  especial ao meu presidente o Vereador Raimundo Mendes, temos ainda bastante tempo até 2016, mas se o partido continuar apoiando a atual gestão municipal terei que sair e neste caso o caminho natural é deixar o PSB e ingressar do PSD, espero que tudo seja feito de forma harmoniosa.”

Foi descuidado e ainda não tomou consciência que os elogios aos companheiros de partido e ao próprio presidente dificultarão a sua defesa para deixar o PSB.

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

Disse Jaime Calado: “Eu sou candidato e o meu número é 1513”

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 15 de outubro de 2014

IMG_20141015_183400268

Disse Jaime Calado: “Eu sou candidato e o meu número é 1513”

Hoje, quarta-feira (15), no conjunto Amarante, depois que caminhamos na comunidade da Serrada, a mensagem do prefeito de São Gonçalo do Amarante, Jaime Calado, teve bastante semelhança com samba de uma nota só, pois as suas palavras estão sempre vestidas da lealdade, da gratidão e da verdade.

A frase na qual ele investe todo o seu crédito político para pedir o voto de governador, Henrique Alves, de vice, João Maia e para presidenta Dilma Rousseff, candidata à reeleição, pode, com certeza se transformar numa “colinha”. No dia 26, Não precisa colocar no bolso, apenas repetir: eu sou candidato e o meu número é 1513, ou seja, 15 de Henrique e 13 de Dilma Rousseff.

“Quem quiser que o município de São Gonçalo do Amarante passe por mais dificuldades ainda é só votar no vice de Rosalba Ciarline”, disse. Para o prefeito,  Dilma Rousseff aprendeu com Lula a não dar as costas para os mais pobres, por isso, escolher Aécio para dar o seu voto é um grande equívoco político e pode lhe custar os olhos da cara, ou seja, mais sacrifícios para as famílias brasileiras.

A Doutora Zenaide Maia, eleita neste pleito de deputada federal, estava ao seu lado e ele com a emoção a flor da pele agradeceu de coração a todos que votaram e compreenderam o pedido do voto para ela. É certo que a missão especial de Zenaide Maia, na Câmara Federal, em Brasília, será correr atrás de recursos para ser investidos no município. Essa missão João Maia cumpriu muito bem.

Prestigiou o evento o vereador “Barão”, as vereadoras Valda Siqueira e Arlete Paiva. Os suplentes João Costa, Enilton Silva, Francisca de Rafael, Américo, Maciel Potência, Gisele Moura e Juninho de Mamão. As lideranças Neuma, Laurizete, Dió, Diogo Barão e tantas outras. Quem encerrou o encontro foi a deputada federal Zenaide Maia com um frase que nos encheu de orgulho: “Hoje, meus amigos, eu posso me considerar uma cidadã são-gonçalense e a minha família está muito feliz com isto.”

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario

Maria Tereza de Oliveira, mais uma vez, trouxe Robson Faria a São Gonçalo do Amarante

 

- Escrito e publicado por Manacy Henrique em 15 de outubro de 2014

robinson-amarante

Maria Tereza de Oliveira, mais uma vez, trouxe Robson Faria a São Gonçalo do Amarante

Ontem, terça-feira (14), completou quatro anos que a filósofa Tereza carregou em seu colo eleitoral a governadora do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarline e o seu vice, Robson Faria, pelas ruas de São Gonçalo. Desta vez apenas o vice-governador atendeu ao pedido da filósofa.

Não sei ao certo qual foi o motivo da presença do candidato que, como vice-governador, nunca ajudou o município e nem fez nada para o povo são-gonçalense. E como a cidade, em se tratando de obras, é a única para quem o sol nunca se põe o lugar, provavelmente, para uma caminhada, escolhido foi o Anel Viário do Novo Amarante, por coincidência, caminharam sobre o asfalto e sob a iluminação, duas obras, realizadas pelo prefeito Jaime Calado.

Essa passagem que, de alguma forma, confirma a máxima de que alguns políticos só visitam o município de quatro em quatro anos, em São Gonçalo, pelo visto, Robson não fez diferente. Aqui, em nossa cidade, os candidatos do prefeito Jaime Calado, todos foram vitoriosos. E não será a professora Maria Teresa de Oliveira, que andava escondida por todo esse tempo, que vai mudar esse quadro construído com o poder do voto do cidadão são-gonçalense.

Com esse gesto eleitoreiro da professora nós podemos considerá-la uma política de carreira e uma profissional da política. É lamentável, sobretudo no segmento da Educação e da Cultura, perdê-la para uma profissão que ela começou muito mal. Está muito longe de a capacidade
política de Tereza salvar, em São Gonçalo, o vice de Rosalba Ciarline de mais uma derrota.

Publicado em Notícias por Manacy Henrique. Sem Comentario
Copyright © O Sãogonçalense – A Força da Notícia |   criado pela Status Empresarial   | Login