Em São Gonçalo, as ‘manobras’ partidárias estão com os dias contados

Escrito por Manacy Henrique em 21 de janeiro de 2019

14124523_1414342975259330_7975596655552055033_o

Em São Gonçalo, as ‘manobras’ partidárias estão com os dias contados

Quem pensar que vai repetir o feito do PTC de 2020, isto é, botar um partido embaixo do braço e levar para aonde bem entender, pode tirar o cavalinho da chuva.

O objetivo das cabeças pensantes do grupo político liderado pelo prefeito Paulinho Emídio é o fortalecer ainda mais os partidos que dão sustentação ao governo na Câmara Municipal.

A estratégia de mudança de legenda ensaiada no treino dos camaradas do Partido Verde (PV) vai ficar no ensaio. Se alguém tem alguma dúvida que esse será o encaminhamento para a próxima campanha, já pode tirá-la.

O prefeito quer entrar em campos eleitorais com a equipe titular já definida. O que pode acontecer na “janela partidária” é apenas a reintegração ao elenco de alguns correligionários que se encontra hoje no partido adversário.

Portanto, para as próximas eleições, quem quiser construir um partido vai ter que bancar. O sonho dos técnicos do PV e do PT vai ficar na prancheta.

Deixe um Comentário


sete + 6 =