Professora ligada a padre são-gonçalense é empossada secretária estadual pela governadora Fátima Bezerra

Escrito por Manacy Henrique em 3 de janeiro de 2018

Imagem1

Professora ligada a padre são-gonçalense é empossada secretária estadual pela governadora Fátima Bezerra

Com o desmanche do império político do ex-deputado estadual Fernando Mineiro (PT), alguns dos seus súditos são-gonçalenses, obrigatoriamente, terão que migrarem para outras abas políticas.

A passagem do furacão, chamado Natália Bonavides, atingiu praias petistas e a maioria das casas de verão eleitoral de São Gonçalo do Amarante (RN). Poucas não foram arrastadas pela força das ondas de votos de Bonavides.

De Barro Duro, só dá para ver o chalé do petista padre Murilo Paiva. O restante virou escombros, segundo alguns especialistas em fenômenos políticos, essa militância vai ter dificuldades para recomeçar.

Porque o mandato de vice-prefeito do PT também sofreu sérios danos eleitorais e políticos na passagem do furacão. Embora, os mais chegados a ele digam que não. Entretanto, quem está atento aos últimos acontecimentos, sabe que vão ter que disputar essa vaga.

Graças à proteção dos santos petistas, há uma luz no fim do túnel para os amigos de sangue do padre Murilo. Pode não ser o milagre esperado, mas os petistas são-gonçalenses, ligados a Mineiro, manterão ainda certo prestígio no primeiro escalão do governo estadual.

Pois a posse da petista e professora universitária Isis Maria de Oliveira, amiga do peito de Murilo, como secretária do Trabalho, Habitação e Assistência Social (Sethas) vai mantê-los com essa importância.

Deixe um Comentário


− 2 = quatro