Seu Adriano Queiroz, quais são os tubarões da vitória de Paulinho?

- Escrito por Manacy Henrique em 18 de fevereiro de 2018

6781bffb-4eac-473e-b312-01a0be442f9b

 Seu Adriano Queiroz, quais são os tubarões da vitória de Paulinho?

Os vencidos continuam rodeando o barco

Privilegiados de Deus são todos os homens e mulheres que já leram “O Velho e o Mar”, obra de Ernest Hemingway, porque só assim poderão compreender que a disputa nos mares políticos, além do resultado final, também a travessia é tão importante quanto.

Paulo Emídio de Medeiros, Seu Adriano Queiroz, na última campanha eleitoral foi o nosso velho Santiago (recomendo que leia o livro para não saia atirando a esmo). Desafiado pelos seus amigos, tal qual o protagonista da história, teve que provar para si próprio e para eles que ainda era um bom pescador.

Depois de três meses de intensa batalha, às vezes, em seu próprio barco, dormindo com o inimigo, fisgou o peixe de sua vida. Como o do personagem principal de Hemingway, ambos do tamanho da Prefeitura de São Gonçalo do Amarante, RN.

Apesar da nossa vitória, poucos políticos são-gonçalenses tiveram seus imites testados no mar eleitoral são-gonçalense igual à Emídio. O peixe foi fisgado, quer dizer, nós ganhamos, mas ele sabia que iria enfrentar os tubarões famintos.

Não podemos esquecer que, na política, também a natureza é voraz. Prova disso é que alguns desses predadores ainda hoje tentam morder uma isca muito maior que sua boca em troca de apoio político, felizmente, Medeiros diminuiu a linha.

Portanto esse homem que teve a coragem de sonhar os nossos sonhos e persistiu no seu e que nunca, jamais, em tempo algum fraquejou em combate, Queiroz, tubarão nenhum mete medo.

Deixe um Comentário


+ 3 = seis