Vereadora Rayure Protásio articula apoio para o senador José Agripino Maia

Escrito por Manacy Henrique em 30 de abril de 2018

6140da0c-d9d5-4530-8785-fb07b33871d3 - Cópia

Vereadora Rayure Protásio articula apoio para o senador José Agripino Maia

José Agripino durante 27 anos de Senado apresentou apenas 20 projetos

Nada mais que um telefonema de Seu Júnior Maia, cuidador dos interesses políticos do senador Agripino Maia, foi preciso para a professora aposentada Dona “Novinha” convencer sua filha vereadora Rauyre Protásio a assumir o QG dele no município de São Gonçalo do Amarante, RN.

Após o 15º dia do encontro com o senador, 16 vereadores são-gonçalenses estão dispostos a lutar pela sua reeleição. Poderia ser 17, mas o ex-presidente da Casa dos Bons Homens Geraldo Veríssimo de Oliveira, certa vez declarou: “Mesmo que José Agripino tenha o apoio de Paulinho, ele não terá o meu voto”.

E Veríssimo tem motivos de sobra para tal. Como liderança do DEM no Senado Federal, Agripino mostrou muito pouco. Para cada projeto apresentado, ele precisou, em média, de 16 meses.

O presidente da Câmara Municipal, Raimundo Mendes Alves, disse que não tem dificuldades de votar em senador no pai do deputado federal Felipe Maia. “Até o momento ainda não houve uma conversa”, avisou o presidente. Já Eudócio Mota vai com o líder do Democratas e Magnólia.

Nas últimas eleições para o Senado, apoiado por 10 vereadores, “José Malvadeza”, alcunha dada por Luiz Almir, obteve, aproximadamente, 30 mil votos dos são-gonçalenses.

Possivelmente, em São Gonçalo, apesar de o prefeito Paulinho Emídio ter Zenaide e Agripino como candidatos de sua preferência, a deputada federal e pré-candidata à senadora terá o apoio de 13 colegas de Rayure, Garibaldi Alves de ½ dúzia e Magnólia de apenas 1.

Deixe um Comentário


− três = 1